Apenas uma atualização

Já faz muito, muito tempo que eu não escrevo nada aqui. Desde que eu voltei da Alemanha as coisas têm sido total e completamente malucas, e por isso eu acabei negligenciando o blog.

Acontece de vez em quando; se voltar pelo histórico de posts dá pra ver que o que mais tem por aqui são períodos de hiato em que eu não posto quase nada, exceto posts em que eu falo que faz tempo que eu não posto nada.

Fora isso, também estou bastante desanimado. O país tem mostrado que tem uma verdadeira vocação para a imbecilidade, incluindo várias pessoas que eu respeitava e achava que conhecia. Juntando a isso o burnout de uma experiência malsucedida e as incertezas com relação ao futuro, e é um milagre eu não ter entrado em depressão.

Mas, de um jeito ou de outro, as coisas acabam se resolvendo. Novas oportunidades aparecem e eu só preciso fazer a minha parte para isso tudo não desmoronar.

Por enquanto, isso inclui ser motorista Uber; coisa que, eu espero, seja temporária. Mas serve para conseguir “um extra” para tentar correr atrás do prejuízo. E, com alguma sorte, mais pra frente acabam aparecendo outras oportunidades…

Meio desiludido, estou enveredando por uma mudança de rumo. Comecei uma segunda graduação. Estou trabalhando com Ciências Atmosféricas. Tentando me envolver mais com informática… tentando, quem sabe, encontrar um caminho a partir da fusão disso tudo.

Também voltei a me dedicar mais à Debian. Idealmente, tentando fazer tudo sem precisar de reboot para usar aquele outro OS… sim, eu sei que os tempos são outros, e ultimamente “eles” abraçaram o Linux (e não cansam de alegar que amam o Linux…), mas velhos hábitos são difíceis de largar.

De qualquer forma, sempre tive vontade de me envolver mais com a distro. Quem sabe isso vai pra frente, se eu tiver a disciplina e a paciência que eu preciso. Já andei até me enveredando pelo ciclo de lançamento, fiz um script em Python que busca o número de bugs RC e publica no twitter, uma espécie de “rastreador” para saber quando a Buster vai ser lançada (depende de uma maneira não trivial desse número). Quem sabe, até, finalmente me entendo com o processo de criação de pacotes e finalmente submeto um binário do Libradtran (como estou ensaiando pra fazer desde Outubro…).

Havia outras coisas pra comentar aqui, mas por enquanto fico por aqui mesmo.

Eu nunca disse que este blog era pra fazer sentido.